Centro de Defesa e de Convivência da Mulher / CISM I / Associação Fala Mulher

Nova Pesquisa

Objetivos: apoiar e fortalecer mulheres em situação de violência doméstica e sexual.

 

Atividades desenvolvidas: o Núcleo – CISM I atende, sob a ótica da interdisciplinaridade, mulheres em situação de violência doméstica e sexual, oferecendo-lhes atendimentos psicológico, social e jurídico, atividades sócio-educativas e terapêuticas. As atividades desenvolvidas no Núcleo – CISM I têm como objetivo proporcionar condições favoráveis, para que a mulher possa desenvolver sua autonomia, descobrir suas forças, tomar decisões e adquirir maior controle sobre suas vidas.

 

Como é o atendimento: o acolhimento é atribuição do profissional de assistência social, sendo que na ausência deste, pode ser realizado por uma das técnicas ou mesmo pela coordenadora do serviço, sendo traduzido pelo momento em que a usuária chega ao Núcleo. Neste primeiro momento, é realizada uma escuta diferenciada e cuidadosa do caso, com vistas a oferecer à mulher um ambiente reservado e tranqüilo, onde possa sentir-se segura para contar de si, suas experiências, angústias e afetos. É através desta escuta que é avaliado o grau de risco em que esta mulher está submetida, quais as primeiras providências a serem tomadas e encaminhamentos a serem efetuados.

 

Condições para o atendimento: atende mulheres adultas, em situação de violência doméstica e/ou sexual da cidade de São Paulo.

 

Equipe: coordenadora; assistente social; advogada; psicóloga; orientadora socioeducativa; auxiliar administrativa e agente operacional.

 

Período de atendimento: das 9 às 18 horas, de segunda à sexta-feira (dias úteis).

 

Dados para contato:
Rua do Fico, 234, Ipiranga
CEP:04201-000 São Paulo – SP
Telefone: (11) 2272 04 23
Site: http://www.falamulher.org.br/projetos.php

2 thoughts on “Centro de Defesa e de Convivência da Mulher / CISM I / Associação Fala Mulher

  1. Boa tarde vi seu contato na rede gostaria de saber como tratar o assunto abaixo, já fiz denúncia e nesse momento existem vizinhos induzidos por outros que estão visivelmente incitando a violência dedes as 15:00 horas de ontem dia 29-11-2014 com xingamentos, ridicularização, além de invadir minha privacidade em e-mails pessoais e da página de facebook, mesmo sabendo da denúncia continuam com exposição.
    Amanhã irei na defensoria pública da minha cidade, mas queria uma posição do assunto.

    Att.

    Gisele S. Alves

Deixe sua opinião ou comentário sobre o atendimento

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Pryzant Design